Qualidade

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém iniciou o seu sistema de implementação do processo de certificação da qualidade em 2011 nas Unidades de Cuidados Continuados Integrados (UCCI), obtendo a certificação em 2014 pela Join Comission International.

Em 2013 iniciou-se a implementação do referencial Equass Assurence nas Respostas Sociais para Idosos, que obteve a primeira certificação em setembro de 2015. 

Em 2017 uniformizou-se o processo de certificação para RSPI e UCCI pelo Equass Assurence, que prevê a sua renovação em 2020 com auditoria agendada para 10 e 11 de dezembro de 2020.

Equass Assurence

 

O que é o equass Assurence?

O EQUASS – European Quality in Social Services, é uma iniciativa da EPR Plataforma Europeia de Reabilitação que

desenvolve serviços na área da certificação da qualidade e que tem como objetivo melhorar o sector dos serviços sociais, através do envolvimento das organizações com a qualidade , a melhoria continua, a aprendizagem e desenvolvimento, a fim de garantir a qualidade dos serviços aos utentes  em toda a europa.

 Pretende contribuir para a criação de um mercado europeu e para a modernização dos serviços sociais de interesse geral, no qual os prestadores de serviços tenham a possibilidade de se diferenciarem, utilizando a qualidade dos seus serviços como uma vantagem competitiva.

Em Portugal, a representação do EQUASS é assegurada pela APQ – Associação Portuguesa para a Qualidade, que tem como atribuições divulgar o sistema em Portugal, prestar informações aos interessados e gerir as candidaturas ao nível Assurance.

 

Princípios Orientadores do Equass Assurence SCMSC

A organização, tendo em conta o referencial de certificação da Qualidade Equass Assurence, regula a sua intervenção com base nos seguintes princípios:

  1. Liderança

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém procura evidenciar uma boa gestão, liderança e responsabilidade social corporativa, em consonância com a missão, visão e valores definidos, promovendo a justiça social e a inclusão dos utentes.

  1. Colaboradores

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém reconhece o envolvimento dos seus colaboradores no planeamento e avaliação dos serviços, criando um ambiente de mudança, flexibilidade, melhoria contínua e empowerment, fomentando a criação de grupos de trabalho promotores de atividades destinadas ao bem-estar e saúde dos colaboradores, para que estes se sintam respeitados, envolvidos, ouvidos, valorizados e bem liderados por aqueles para quem e com quem trabalham.

  1. Direitos

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém está empenhada em proteger, promover e respeitar os direitos dos seus utentes/clientes no que se refere a igualdade de oportunidades, igualdade de tratamento e liberdade de escolha, autodeterminação e igualdade de participação.

4- ÉTICA

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém trabalha tendo como princípios orientações éticas, que respeitam a dignidade e o bem-estar de colaboradores, utentes/clientes, famílias e cuidadores. Baseia a sua prestação de serviços em valores como a confiança, confidencialidade e honestidade. Também se promove a proteção dos utentes/clientes contra abusos e má conduta.

5- Parcerias

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém desenvolve a sua prestação de serviços em cooperação com as diversas partes interessadas, de modo a dar cumprimento à sua missão e visão. Os parceiros complementam a prestação de cuidados com serviços de apoio abrangentes e centrados nas necessidades do utente/cliente, contribuindo para a sua integração e inclusão na sociedade.

6 - Participação

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém tem a preocupação de promover a participação e a inclusão ativa dos seus utentes/clientes, bem como a sua representação no funcionamento quotidiano da instituição e envolvimento na comunidade. Por outro lado, promove e apoia ações de empowerment e advocacia, promovendo uma maior igualdade de oportunidades, participação e inclusão das pessoas servidas.

7- Abordagem Centrada na Pessoa

A prestação de serviços da Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém é desenvolvida tendo por base as necessidades, expectativas e capacidades dos utentes/clientes. Centram-se no ambiente físico e social e visam melhorar a qualidade de vida das pessoas servidas, respeitando o seu contributo pessoa e envolvimento no planeamento, prestação e avaliação dos serviços.

8- Abrangência

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém garante que os utentes/clientes tem acesso a um continum de serviços centrados em si, prestados de uma forma coordenada por uma equipa multidisciplinar com trabalho de parceria.

9- Orientação para os Resultados

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém procura atingir os seus objetivos em benefício das pessoas servidas e partes interessadas, demonstrando resultados alinhados com a sua missão e uma prestação de serviços assente em processos de melhoria contínua e princípios de transparência e responsabilização.

10- Melhoria Contínua

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém está empenhada na aprendizagem e melhoria contínua dos serviços e dos resultados, sendo proactiva para ir ao encontro das necessidades futuras dos seus clientes, colaboradores, partes interessadas e financiadores. A instituição deu início a práticas comparativas de desempenho de serviços (ações de benchmarking) e melhoria contínua.

Missão Visão e Valores

Melhoria Continua

Indicadores de Resultados

Lorem Ipsum ...

Certificação

 

A Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém iniciou o seu processo de implementação de certificação da qualidade em 2011 nas UCCI, obtendo a certificação em 2014 pela Join Comission International. Em 2013 iniciou-se a implementação do referencial Equass Assurence nas Respostas Sociais para Idosos, que obteve a primeira certificação em setembro de 2015. Em 2017 uniformizou-se o processo de certificação para RSPI e UCCI.

Posters:

Certificado Joint Comission

Certificado Equass 2015

Certificado equass 2017

 

 

Projetos de Inovação em Curso

  • Eficiência Energética- Instituições Particulares de Solidariedade Social

Este projeto decorre de uma candidatura aprovada pelo programa Portugal 2020 (ALT20-03 -2019-53), que tem por objetivo a implementação de medidas de melhoria de desempenho identificadas no certificado energético e no relatório de auditoria energética, com o intuito de aumentar a eficiência energética e a utilização de energias renováveis para autoconsumo na UCCI Conde Bracial. Pretende ainda o aumento da eficiência energética dos equipamentos e a diminuição da fatura energética.

  • Modernização do Sistema Informático da Instituição

 Este projeto visa Modernizar o Sistema informático da instituição de modo a reforçar o Sistema de segurança e proteção de dados da instituição e Implementar um sistema virtual de comunicação dos utentes com os seus familiares. Em termos operacionais a implementação deste projeto originou a contratação de um técnico de informática, a aquisição de um servidor com maior capacidade de armazenamento da informação, aquisição de um Dry tek, que serve como única porta de entrada de informação, virtualização do servidor, e aquisição de tablets para vídeo chamadas dos utentes com os familiares.

  • Formação Financiada

O projeto consiste na candidatura e aprovação a formação financiada e gratuita para profissionais da SCMSC.

Foram formalizadas e aprovadas duas candidaturas para formação financiada:

  • POISE- Programa Operacional de Inclusão Social e Emprego.

Este programa pretende responder às necessidades formativas dos profissionais de saúde das Unidades de Cuidados Integrados da Santa casa da Misericórdia de Santiago do Cacém, de forma a melhorar a qualidade e a modernização dos serviços prestados aos utentes/clientes, sendo constituída por 8 cursos, abrangendo um total de 120 formandos. 

  • PRIME - e IEFP com o Programa – Cheque – Formação

Tem como objetivo dotar os participantes de conhecimentos teórico-práticos necessários para o desempenho das suas funções. Esta Medida abrange 290 colaboradores da Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém tendo um volume de 50 horas de formação por colaborador.

  • Programa de Desenvolvimento Pessoal e Profissional dos colaboradores

Este projeto propõe desenvolver um programa de desenvolvimento pessoal e profissional para os profissionais da categoria ajudantes de lar, de modo a aperfeiçoar as suas competências sociais (comportamentais, emocionais e de aprendizagem).

Politicas de Atuação

Todas a medias tomadas pela instituição estão documentadas em vários grupos de atuação 

Politica da Qualidade

Política da Qualidade Poster

Politica de Melhoria da Qualidade

Politica de Ética e Bem Estar

Política da Ética e Bem Estar Poster

Politica de Planeamento Prestação e Avaliação de Serviços

Política de Planeamento, Prestação e Avaliação Poster

Politica de Recursos Humanos

Política de Recursos Humanos Poster

Profile Image

Gestão da Qualidade

Equass Assurence

Em conformidade com a implementação do Sistema de Gestão da Qualidade Equass Assurence, os órgãos de gestão e liderança da Santa Casa da Misericórdia de Santiago do Cacém, definiram e implementaram um conjunto de políticas de atuação para a prestação de serviços e cuidados ao utente/cliente, que orientam a atuação dos profissionais.